Você conhece a Urban Fantasy?

Ruas Estranhas

Muito fala-se na Literatura Fantástica, mas você conhece a Fantasia Urbana ou Urban Fantasy?

A fantasia urbana é um subgênero da fantasia, ela é caracterizada pelos elementos fantásticos em um ambiente urbano. As histórias ocorrem geralmente em um período histórico, contemporâneo ou futurista. Como o próprio nome já indica o meio urbano é o pré-requisito para a classificação nesse gênero.

urban_fantasy_KA_

A sinopse da antologia Fantasias Urbanas  trás uma perfeita definição do subgênero:

Sinopse: Fantasia Urbana é um gênero da Literatura Fantástica, onde o elemento essencial para caracterizá-lo é a presença do fantástico em uma cidade. Os contos podem ser de Fantasia, Horror, Terror, Ficção Científica ou Policial (deste que tenha a presença do fantástico). O gênero nasceu da narrativa policial, onde o resultado da investigação levava a algo sobrenatural, como o criminoso ser um demônio, por exemplo, ou ocorria em uma ambientação sobrenatural. Aos poucos o gênero foi se livrando das amarras estilísticas e ampliando sua abrangência.

Muitas obras podem ser classificadas como Fantasia Urbana como por exemplo Lugar Nenhum de Neil Gaiman, Ruas Estranhas organizado por George R.R Martin,  a série Percy Jackson e os Olimpianos de Rick Riordan ou mesmo a série Crepúsculo de Stephenie Meyer e muitos, mais muitos livros de Stephen King.

livro-ruas-estranhas-KA

Percebe-se pelos nomes citados que a maioria conhece a Fantasia Urbana desconhecendo apenas a classificação.

O mais empolgante nisso tudo é que o Brasil cada vez mais tem produzido Urban Fantasy de alta qualidade! Como exemplo de Fantasia Urbana brasileira posso citar Yume de Kamile Girão, Neon Azul de Eric Novello (minha próxima leitura), Feérica de Caroline Munhoz, Olam de L. L. Wurlitzer, e incontáveis antologias de contos fantásticos com cenários urbanos por exemplo a Fantasias Urbanas citada no inicio do artigo e organizada por Eric Novello.

livro_neon-azul_mini

Particularmente penso que, devido o Brasil ser um país relativamente novo e não possuir o passado histórico de nobreza medieval, a Fantasia Urbana está mais próxima dos escritores fantásticos do país do que a Alta Fantasia.

O que mais gosto nesse tipo de leitura é o fato de os escritores brasileiros de Urban Fantasy utilizarem as cidades brasileiras como cenário. Portanto, se você está afim de sair da “mesmice” da literatura fantástica (que é maravilhosa) e dá um tempo em cavaleiros, espadas, castelos e etc. Eis uma boa dica, pois você poderá viajar por cenários reais e igualmente empolgantes.

Compartilhe ...Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on TumblrShare on Google+Email this to someone
  • Jenifer Angelo

    Urban Fantasy é o meu gênero favorito desde que descobri sua existência, e é uma pena que poucas pessoas saibam que existe. Achei incrível escreverem sobre o gênero (ou subgênero)!!!

    • Jefferson Nóbrega

      Jenifer,

      Fiz questão de escrever sobre esse gênero literário porque sou também um grande fã. Estou finalizando o “Ruas Estranhas” e logo publicarei sobre ele por aqui. Aproveito e convido-a a ler a resenha de “Neon Azul”: http://kalangoatomico.com.br/livros/dica-de-leitura-neon-azul-de-eric-novello/

      E você está lendo o quê atualmente?

      • Jenifer Angelo

        Oi!
        Bem, eu estou lendo a Saga ‘Night Huntress’, Jeaniene Frost. É uma das minhas favoritas.
        Obrigada pelo convite, vou ler a resenha agora. E aguardo ansiosamente pela próxima ^^

        • Jefferson Nóbrega

          Já me indicaram “Night Huntress” e as opiniões que li são interessantes. Acho que irei adicionar à lista de futuras leituras. Eu que agradeço, espero vê-la mais vezes comentando por aqui. Temos muito a falar sobre literatura :D.

  • Pingback: Expresso T2E06 - Game of Thrones, George R. R. Martin e novidades | Kalango Atômico - Podcast do Cerrado()